Arquivo do blog

quinta-feira, 19 de abril de 2018

Quando o cansaço
bate à porta, frente
em codinome de stress
frente ao tempo de
espera e gera impa
ciência dê um gole
a um beija flor que
a muito tempo não
me visita, pois sinta

domingo, 15 de abril de 2018

Hoje eu estava revendo algumas canções do rock'n roll que fizeram sucesso em um momento da minha vida e parei para analisar The Strokes. A música Last  Nite, com sua batida de guitarras estonteante e ao mesmo tempo com um ritmo cadenciado tem uma ótima performance tanto, ao vivo como a versão de estúdio.
A letra em questão é característica de mais uma pérola que o inglês nos oferece em canções do rock'n roll .O link pode ser encontrado no youtube e segue bem aqui



sexta-feira, 13 de abril de 2018



Serena em cerimô
nia, no aperto do re
lógio, corre  contra
minha mão vuluptuo
sa asas, azul meia-noi
te.Pendentes lumina
rias em um retrato de
casado, nele não se
vê, se crê sicrano, a
noiva vestida no aper
to sereno vespertino

quarta-feira, 11 de abril de 2018


Rodapé

A poesia é pia
cadeiras, sofá
Em um grande
Dos grandes e
Imenso assoa
Lho de um livro

sábado, 7 de abril de 2018

Até então guiado, ou pelo menos estudado os ideias renascentistas, me surge uma nova palavra, por ter estudado;o Biocentrismo.Essa palavrinha me sugere uma mudança muito grande.Mas como desvenda-la por meio da arte, na escrita.
Isso tem me feito pensar muito sobre a respeito de muitas ideologias lidas e largadas, por preferir a literatura.Contudo muito foi feito em cima da arte, como o próprio movimento Renascentista.
Em minha cabeça o homem deixa de ser o indivíduo protagonista para da espaço á alguma coisa nova e esse novo quebra cabeça nos joga, então na comportamentalidade.

Pensando a respeito do termo biocentrismo



Amigo de
Amigo meu
É amigo seu
consorte de
amizade du
pla, pleno de
estima meu


sexta-feira, 6 de abril de 2018



Cancioneiro ressuci-
tado dos versos, que
aconteçam de buscar
um nome a sí mesmo
mais da parte moder
na.Andarei e cantei
em linha lirica com
métrica de um trova
dor. Mais ainda não
sei quem sou: fui ba
tizado, nascido e cria
do nos formosos mu
ros de uma cidade e
nessa cidade, ei de ca
minhar a versos pa-
sos os meus largos e
citados, acompanhan
te de uma viola e arco